Vinícola Garibaldi inova com linha de sucos e espumantes biodinâmicos

Empresa gaúcha é pioneira no Brasil a apresentar produtos com certificação internacional

A Cooperativa Vinícola Garibaldi potencializa a premissa de que a vida pode ser vivida em harmonia e inova ao lançar a primeira linha de espumantes e sucos biodinâmicos do Brasil com certificação internacional. Batizada de ‘Astral’, chega ao mercado ainda este mês com lote de espumantes numerados (são apenas 700 garrafas para quem quiser conhecer a novidade) e suco de uva produzidos a partir de técnicas que respeitam o equilíbrio entre a natureza, o homem e o universo. O lançamento incrementa o mix de produtos da Cooperativa, que já tem opções orgânicas no portfólio, além das bebidas produzidas pelos métodos tradicionais.

Lara Silvestrin, responsável técnica pelo projeto de viticultura biodinâmica

A agricultura biodinâmica foi desenvolvida a partir dos preceitos de Rudolf Steiner, em 1924, na região da atual Polônia. Ele utilizava a antroposofia para considerar a relação do homem com a natureza e buscar a prosperidade da agricultura – entendendo que, além da substância nutritiva, o alimento também oferece a vitalidade nele presente. “Para entender essa composição, é importante saber que os produtos biodinâmicos são obrigatoriamente orgânicos, sendo ainda mais restritivos quanto ao uso de agrotóxicos e insumos agrícolas. O grande diferencial está na busca pela harmonia entre os reinos humano, animal, vegetal e mineral, potencializada pela influência dos astros. Assim, os cuidados começam nos vinhedos, respeitando o ambiente; passando pelo zelo com as videiras e chegando ao processo de vinificação, resultando em bebidas com mais vitalidade”, explica a engenheira agrônoma Lara Silvestrin, responsável técnica pelo projeto de viticultura biodinâmica.

O trabalho com a agricultura biodinâmica exige forte conexão com a essência desse método e seus princípios. Para isso, é necessário viver os processos naturais mediante a prática, a observação e a percepção. Dessa forma, o agricultor preserva sua saúde, o meio ambiente e as relações pessoais – resultado comprovado pela produtora Rosângela Bettú Lazzari, de Garibaldi, uma das três fornecedoras das uvas biodinâmicas utilizadas pela Cooperativa na produção dos espumantes e sucos da linha Astral. “Em 2008, comecei a converter a propriedade para a produção orgânica. Aos poucos, participando de cursos e treinamentos, fui me interessando pela produção biodinâmica, que desenvolvo desde 2016. É exigido um trabalho mais rigoroso, com mais mão de obra e até custo um pouco acima, mas compensa por estar em um ambiente agradável, saudável e que oferece uma produção uniforme, com uvas de aromas e sabores acentuados”, comenta. Atualmente, Rosângela fornece cerca de 20 toneladas de uvas Bordô, Isabel e Chardonnay à Cooperativa.

Para o consumidor, produtos biodinâmicos significam a possibilidade de se nutrir com alimentos saudáveis e repletos de forças vitais, bem como contribuir com a preservação dos recursos naturais, da biodiversidade e ainda ser um agente de transformação para uma agricultura consciente e integrada.

Certificação reconhecida internacionalmente

A linha Astral da Cooperativa Vinícola Garibaldi chega ao mercado enriquecida por outro diferencial importante. É a primeira série de espumantes e sucos biodinâmicos no país certificada por uma auditoria. No Brasil, a certificação por auditoria de alimentos e produtos biodinâmicos é realizada pela empresa IBD Certificações. Já a certificação participativa de alimentos e produtos biodinâmicos, atualmente, é feita pela ABD – Associação Biodinâmica. Em todo o mundo, os alimentos biodinâmicos certificados apresentam o selo Demeter, que, assim como as Normas de Produção e Processamento, é gerido pela Associação Demeter Internacional – modelo de cooperação mundial baseado em responsabilidade, transparência e autonomia regional.

Onde encontrar

A primeira produção de espumantes Brut Champenoise e sucos de uva ‘Astral’ serão vendidos no varejo anexo ao complexo enoturístico da Cooperativa Vinícola Garibaldi. Os sucos chegam ao mercado com preço médio de R$ 18,00 e também poderão ser encontrados em pontos de venda que já oferecem os sucos orgânicos da marca. Já os espumantes, limitados a 700 garrafas numeradas, serão comercializados também em alguns canais virtuais e estabelecimentos gastronômicos parceiros, ligados à proposta slow food. O preço é de R$ 70,00 por garrafa.

Deixe seu comentário