Projeto da Nestlé para redução de gases de efeito estufa é reconhecido em concurso global

Iniciativa foi cocriado por colaboradoras da Nestlé Brasil, que competiram com cases globais em desafio da plataforma de inovação colaborativa Ingenius

Um projeto cocriado por colaboradoras da Nestlé Brasil é um dos finalistas e vencedor de um desafio promovido por meio da plataforma global de inovação colaborativa Ingenius e será implementado pela empresa em 2021 no Brasil e na Suíça. O objetivo do desafio era avaliar, reconhecer e verificar o potencial de aplicabilidade de iniciativas para auxiliar na redução das emissões de gases do efeito estufa da empresa. A iniciativa brasileira selecionada propõe a criação de um “refeitório verde”, que atua na conscientização do impacto gerado pelas escolhas alimentares e desperdício de alimentos, ajudando as pessoas a adotarem hábitos alimentares mais sustentáveis, olhando para a pegada de carbono dos alimentos que consomem.

Antes de chegar ao desafio global, os colaboradores brasileiros participaram de uma etapa nacional de classificação dentro do concurso Open Innova, iniciativa interna de inovação e empreendedorismo da Nestlé Brasil criada em 2018 e que chegou, em 2020, à sua terceira edição. Neste ano, o tema do concurso era ideias para reduzir as emissões de gases de efeito estufa. Os melhores projetos nacionais foram, então, classificados para a etapa global. Dois projetos brasileiros foram finalistas e, em uma cocriação, se uniram em uma única iniciativa, que foi uma das selecionadas para implementação pela companhia.

Após a seleção, os projetos foram acelerados pelo time InGenius, ganhando mais corpo (Proposta de Valor, Entendimento do Usuário, Prototipagem e preparação para o Pitch) e passaram por um pitch de investimento em 30 de novembro. Nesta etapa o produto mínimo viável (MVP) apresentado foi avaliado por líderes de sustentabilidade da Nestlé, que olharam para critérios como ser executável em 6 meses e custar até 50K CHF. Os aprovados serão implementados com o suporte da companhia ao longo do próximo ano.

Além do impacto ambiental positivo, a iniciativa estimula o desenvolvimento de competências de inovação nos colaboradores que participam. As finalistas deste ano são nutricionistas e nunca haviam tido contato com o universo empreendedor antes. Elas receberam uma capacitação empreendedora completa, desde levantar a proposta de valor de um projeto até realizar um pitch vendedor para investidores.

Siga-nos nas Redes Sociais:

Linkedin Instagram Youtube Facebook

Deixe seu comentário