Cinco curiosidades sobre o vinho Reservado

Entenda o conceito e seus diferenciais

O vinho é uma bebida consumida por pessoas de todas as idades, perfis e em qualquer situação. Os vinhos Reservados da Concha y Toro são agradáveis ao paladar e, portanto, fáceis de consumir. Mas, muitas dúvidas ainda perseguem os consumidores sobre esse tipo de vinho. Afinal, o vinho chama-se reserva ou reservado? O produto tem alguma uva específica? Para desmistificar o consumo da bebida e entender melhor esses pontos, Paulo Amalfi, gerente de marketing de Reservado Concha y Toro, lista as cinco principais curiosidades do vinho.

1. O vinho Reservado e Reserva são o mesmo produto?

São diferentes. O termo “reserva” indica que o vinho passou por um período de envelhecimento. Quando se fala do portfólio Concha y Toro, os reservas passam oito meses em barricas de carvalho. Já o “reservado” não passa por esse envelhecimento. Por conta disso, os vinhos desta nomenclatura possuem caráter mais jovem e frutado. São fáceis de beber em qualquer ocasião.

2. Vinho Reservado tem uva específica?

Para ser um vinho denominado varietal (como é o caso do Reservado Concha y Toro), ele precisa ser feito exclusivamente com uma única variedade de uva. As uvas das cepas Cabernet Sauvignon, Carmenère, Sauvignon Blanc e Merlot são originárias do Valle Central, região de onde saem os melhores vinhos chilenos. Já a uva Malbec é produzida na região de Mendoza, conhecida mundialmente pelos Malbecs que produz. Por último, a uva Zinfandel, que dá origem ao vinho White Zindanfel, é produzida na Califórnia (EUA).

3. Qual é o processo de produção de um vinho Reservado?

As uvas de Reservado são colhidas manualmente e mecanicamente (dependendo da cepa) durante os meses de março a abril, conforme maturação. Após esse processo, as uvas passam pela maceração e são encaminhadas para toneis de aço inoxidável, onde sofrem fermentação de dois a cinco meses, dependendo da uva e condições. Após o processo de fermentação, os vinhos são encaminhados ao processo de envasamento.

4. Por que o vinho Reservado é mais barato?

O vinho Reservado é produzido em larga escala. Por esse motivo, ele garante ganhos no custo de produção das uvas, embalagens e transporte. Possuindo, assim, um preço mais competitivo comparado aos demais produtos.

5. O vinho Reservado possui uma qualidade inferior?

Não. Os vinhos devem ser comparados com marcas da mesma categoria no mercado. Reservado tem uma ótima relação custo benefício e é considerado um grande vinho na sua categoria.

Deixe seu comentário