Sem inovação não há evolução

Seguindo essa estratégia, a Döhler investe 10% da receita global em pesquisa e desenvolvimento de produtos. No Brasil, investiu numa das mais modernas plantas de fabricação de ingredientes do mundo com tecnologias que credenciam a empresa a se tornar uma das líderes no setor

Martin TolksdorfQuais atributos são mais valorizados pelo consumidor de bebidas, atualmente?

O consumidor busca produtos saudáveis e naturais, além de preço e sabor. Sendo que preço deve ser entendido como acessibilidade comercial, é o que chamamos normalmente de custo X benefício. No caso do sabor, o consumidor quer muito mais que isso. Quer também cor, aparência, é a sensorialidade do produto.

Quais as tendências globais do setor de bebidas? Elas já estão presentes no Brasil?

Podemos resumir como naturalidade e funcionalidade, entregues em produtos com menos açúcar, menos gordura e menos sal. É o conceito chamado Free From. Essa linha de produtos cresceu muito no Brasil e vai continuar crescendo nos próximos anos.

O que a Döhler faz para acompanhar essas tendências?

Nos últimos anos, a Döhler trouxe para o Brasil conceitos e produtos que traduzem as principais tendências mundiais. E, para realizar isso, investimos forte na produção local, em tecnologias de última geração e também no desenvolvimento de pessoas através de treinamento e capacitação. Trazemos, por exemplo, pessoas da Alemanha para partilhar conhecimentos com nossos profissionais daqui e também passamos nossas experiências e sabores tropicais para a matriz.

Inovação é o principal drive de uma indústria de ingredientes?

Sem inovação não há evolução. Existem várias maneiras de apresentar a inovação. Podemos fazer isso através de:

Martin Tolksdorf, Diretor da Döhler América Latina

– novos conceitos / produtos;
– uma abordagem econômica, oferecendo produtos a preços acessíveis;
– com o desenvolvimento de tecnologia.
Seja como for, o que sabemos é que para liderar o mercado global isso é primordial.

Quais os principais diferenciais da Döhler no mercado?

Um amplo portfólio que oferece aos clientes a possibilidade de fabricar seus produtos com qualidade e competitividade. Isso tudo com segurança e atendendo às necessidades do mercado. Mesmo em situações economicamente adversas oferecemos soluções com qualidade e preços acessíveis.

Para isso, quanto a Döhler investe em pesquisa e desenvolvimento? 

Globalmente, a empresa investe mais de 10% nessa área, demonstrando a importância que ela representa para nossos negócios.

Qual o método de trabalho utilizado?

Tudo começa com as necessidades dos nossos clientes, através das demandas do mercado. A partir dessas informações, unificamos nossos recursos para encontrar as melhores soluções. Desencadeia-se, então, um trabalho para desenvolvimento de um conceito de produto, matérias-primas de qualidade, desenvolvimento, produção e envase do produto final.

Quais os principais diferenciais tecnológicos da fábrica da Döhler no Brasil?

Trabalhamos com ingredientes naturais e soluções que entregam ao cliente um produto sem conservantes, envasados assepticamente, de forma que o cliente possa aplicá-lo diretamente em sua linha de produção através de um processo totalmente asséptico.
Temos tecnologia para produzir preparados de frutas com pedaços de frutas com alta ou baixa atividade de água. Isso se traduz em um produto mais estável e que implica em menos perda ao cliente. É um preparado de fruta mais natural e com aplicações de processo muito mais eficientes.
Na área de citrus, por exemplo, produzimos aromas e extratos naturais com tecnologias para separar, fracionar e concentrar esses produtos através de processos físicos.

FrutasComo entregar esses produtos sem riscos aos clientes?

Um avanço grande da Döhler foi feito na área de logística com o desenvolvimento de contêineres de inox para entrega do produto final ao nosso cliente. O produto é envasado assepticamente e é entregue ao cliente que pode utilizá-lo também através do processo asséptico diretamente em sua linha de produção. Não há risco de contaminação e tudo pode ser feito de forma rápida e muito prática. O contêiner é retornável e, por isso, o processo é mais sustentável.

A indústria brasileira está preparada para utilizar produtos naturais em sua linha de produção?

Sim, a indústria está preparada. E a Döhler está pronta para ajudar. Temos condições para produzir e entregar ingredientes naturais para fabricação de produtos desde sucos e lácteos até refrigerantes e cervejas, passando por todas as outras categorias de bebidas sejam elas alcoólicas ou não alcoólicas, além da indústria de alimentos (confeitos, panificação, sorvetes etc).

O que fazer para ser o primeiro ou o melhor mesmo com as dificuldades econômicas atravessadas pelo País?

Tecnologia, qualidade do produto e inteligência de mercado para acompanhar o ciclo de vida e assegurar o sucesso do produto.

Quais as perspectivas da Döhler para os próximos anos?

Acreditamos no futuro do País, por isso estamos continuamente investindo em novas tecnologias e capacitações.
Ampliaremos nossas capacidades técnicas (pessoas e tecnologias) e daremos sequência aos projetos de desenvolvimento para fornecermos soluções inovadoras aos nossos clientes.

  • SAIBA MAIS SOBRE

Martin Tolksdorf
Alemão, formado em Business Administration e com mais de 25 anos de experiência na área de ingredientes para bebidas e alimentos, sendo os últimos 9 anos no Brasil. Desde 2006 atua como Diretor da Döhler América Latina que representa hoje o Centro Global de Especialidades Cítricas para o Grupo Döhler.

Deixe seu comentário