Maniacs foca nas latas para aumentar capilaridade no varejo

Maniacs IPA em lata, carro-chefe da marca, representa 30% do faturamento

As latas têm cada vez mais espaço nas prateleiras das cervejas artesanais. É o caso da IPA da Maniacs, rótulo que representa 30% do faturamento da cervejaria paranaense e é uma das cervejas mais populares da região sul e sudeste.

“As latas têm melhor proteção contra o oxigênio e a luz e por isso preservam melhor a cerveja. Nas cervejas artesanais, devido à qualidade superior dos ingredientes, essa proteção é ainda mais perceptível, preservando todo aroma e sabor das nossas cervejas”, conta Iron Mendes, CEO da Maniacs Brewing. “Nosso objetivo estratégico é democratizar nossas cervejas e aproximar a Maniacs de grandes distribuidores, aumentando a capilaridade no mercado. Nossas cervejas foram concebidas para um posicionamento de preços levemente acima das cervejas mainstream e bem abaixo das pequenas micro cervejarias de nicho. O aumento do consumo das latas vem ajudando nessa democratização. Hoje por exemplo você pode curtir uma Maniacs IPA num estádio de futebol em Curitiba, espaço anteriormente monopolizado pelas cervejas de massa”.

As cervejas da norte-americana Brooklyn Brewery, produzida no Brasil pela Maniacs, bem como os rótulos próprios da cervejaria paranaense já são distribuídos ao mercado especializado em todo o país. Ainda em 2019, a Brooklyn Brewery também lançará em lata sua emblemática Brooklyn Lager, medalha de ouro na categoria Amber Lager do World Beer Cup 2018, principal concurso cervejeiro do mundo. Em 2020 a Maniacs também tem planos para lançar novos rótulos do seu portfólio em latas, aumentando as opções disponíveis neste formato nas gôndolas.

IPA responde por 30% do faturamento

A Maniacs IPA já tem sua versão em lata como principal destaque no varejo. A lupulagem traz notas cítricas e herbais que lembram frutas tropicais. O conjunto resulta em uma cerveja leve, porém com personalidade, alta drinkability, cor dourada e final seco.

“É hoje responsável por 30% das nossas vendas e, com o envasamento em lata, teve aproximadamente 12% do seu custo de produção reduzido”, destaca Mendes. “Além disso, a Maniacs IPA em lata cresceu 122% em 2019, mostrando maior adesão do público às latas. Importante salientar que latas e garrafas não são concorrentes e sim complementares em nosso portfólio. Em alguns canais de vendas temos apenas garrafas, porém o crescimento das latas é exponencial”, complementa.

Deixe seu comentário