Dádiva lança Kölsch

A Dádiva Classic Styles ganha sua sexta integrante, a Kölsch. O termo Kölsch existe desde o século IX e se refere às cervejas produzidas em Colônia, na Alemanha. Kölsch é uma cerveja muitíssimo clara, super cristalina, com um sutil frutado e amargor leve.

Esse foi um dos estilos mais pedidos na enquete feita pela cervejaria Dádiva em sua página de Instagram (@cervejariadadiva) há alguns meses, ao lado da quinta cerveja da linha Dry Stout.

A Kölsch, assim como os outros rótulos da linha, vem em lata de 310ml e estará disponível em bares, empórios e sites que atendem todo o país.

A linha Dádiva Classic Styles é composta por cervejas tradicionais com receitas simples e bem executadas. Confira abaixo as outras cinco cervejas que compõem a linha:

 

 

Irish Red Ale

A Irish Red Ale da Dádiva tem 4,2% de teor alcoólico e coloração cobre/avermelhada. É uma cerveja equilibrada, com final seco e que traz, em primeiro plano, aromas e sabores da base de maltes que remetem a caramelo e sutil tosta. Lúpulos ingleses conferem a ela um leve toque terroso. Aconselha-se servi-la entre 5°C e 7°C. Ela acompanha carnes vermelhas assadas e cogumelos salteados.

Berliner Weisse

A Berliner Weisse, como seria esperado, vem em receita sem fervura ou adjuntos. Uma cerveja rústica, de baixo teor alcoólico (3,4% ABV), coloração amarelo palha e levemente turva. Ela traz leve acidez e, ao final, percebe-se um toque cítrico e suavemente lático. Aconselha-se servi-la entre 4 a 8°C. Harmoniza com: saladas com molhos cítricos e sorbet de limão.

English Pale Ale

A Dádiva Classic Styles English Pale Ale tem aroma de notas levemente frutadas e o adocicado do malte. Essa cerveja de 5,4% de teor alcoólico tem um toque maltado no sabor, e um leve frutado no aroma. Como um bom clássico do estilo, o amargor dos lúpulos ingleses trazem notas terrosas à cerveja que tem um final seco e crisp. A cor âmbar e cristalina dá um belo toque final! Para produzir esta cerveja, a Dádiva utilizou os lúpulos ingleses Challanger e East Kent Goldings que dão notas terrosas. Aconselha-se servi-la entre 5 a 7ºC. Harmoniza com: fish and chips, kebab de falafel ou de carne.

Altbier

Altbier é um estilo alemão, tradicional de Düsseldorf, que apresenta coloração acobreada e equilibra, no aroma e no sabor, o amargor dos lúpulos alemães (herbais e condimentados) com as características do malte, que remetem a grãos, biscoito e um toque de nozes. A Altbier da Dádiva possui 5,3% de teor alcoólico e harmoniza com einsbein, o tradicional joelho de porco alemão. Recomenda-se que seja servida entre 4ºC e 8ºC.

German Pils

Bastante leve e de coloração dourada, a versão alemã da Pils Tcheca tem corpo mais baixo, final crisp e um amargor mais acentuado. O lúpulo hersbrucker tem notas levemente frutadas e herbais, o que aumentam muito o drinkability e a torna bem refrescante. Ela possui 5,2% de teor alcoólico e combina muito bem com pretzel, pratos alemães como eisbein, mettwurst e brattwurst. Aconselha-se serví-la entre 4ºC a 8 °C.

Dry Stout

Um dos estilos irlandeses mais clássicos, a Dry Stout é uma cerveja seca, com baixo teor alcoólico e alta drinkability. Com malte torrado em primeiro plano, ela remete a café tanto no aroma quanto no sabor. Não tem características de dulçor. A harmonização histórica é com ostras. Vai bem também com embutidos e pratos apimentados. A Dry Stout da Dádiva tem 4,2% de teor alcoólico. Indica-se servi-la entre 4°C e 8°C.

Siga-nos nas Redes Sociais:

Linkedin Instagram Youtube Facebook 

Deixe seu comentário