Leites vegetais e shakes proteicos

Produtos lançados pela empresa Vida Veg em embalagens cartonadas
são 100% vegetais, totalmente livres de lactose e zero colesterol

Quem busca uma alimentação nutritiva e 100% natural tem uma nova opção para enriquecer a alimentação: leites vegetais à base de coco e amêndoas e shakes proteicos de coco nos sabores chocolate, morango e baunilha. As novidades, fontes de proteínas vegetais, vitaminas e cálcio, também são livres de conservantes, ingredientes artificiais ou transgênicos e têm zero colesterol, o que os torna ideal para veganos, intolerantes à lactose, alérgicos a proteína do leite de vaca ou praticantes de atividades físicas.

Fabricados pela empresa mineira vegana Vida Veg, os lançamentos chegam ao mercado em fevereiro em embalagens cartonadas de 1 litro (leites vegetais) e de 330 ml (shakes proteicos). “Toda a matéria-prima é natural. O creme de coco é extraído diretamente da fruta in natura e a pasta de amêndoas frescas. Os aromas e corantes também são naturais e oriundos de vegetais. Selecionamos nossos ingredientes para oferecer alimentos que tragam bem-estar às pessoas e respeitem os animais e o planeta”, afirma Álvaro Gazolla, Diretor Comercial da Vida Veg. “Até mesmo a proteína é de origem vegetal, processada a partir da ervilha”, completa.

A linha de leites vegetais dispõe de 15 gramas de proteína por litro – três vezes mais que a média dos leites vegetais no mercado, além de ser fonte de cálcio, oferecendo 33% da necessidade diária em 200ml. Sem adição de açúcar e fonte de vitamina D, B6 e B12, as bebidas são 100% naturais, sem conservantes ou outros ingredientes artificiais ou transgênicos.

Já os shakes de coco são as grandes inovações, pois são as primeiras bebidas proteicas veganas prontas para consumo do mercado brasileiro. Nos sabores chocolate, baunilha e morango, cada unidade em caixinha de 330ml contém 10 gramas de proteína de ervilha, perfeito para consumo rápido entre as refeições, antes e após atividades físicas.

Uma empresa 100% vegana

A Vida Veg surgiu em dezembro de 2015, quando lançou uma linha de iogurtes veganos. No ano seguinte, passou a comercializar queijos à base de castanha de caju, e em 2017 requeijão à base de mandioca e proteína de ervilha. Hoje, a marca está presente em 24 estados brasileiros e tem planos de expansão. “Nosso intuito é disponibilizar alimentos para quem não pode ou não quer consumir leite de origem animal. Nossos produtos demonstram que praticamente tudo pode ter sua versão vegana. Com as inovações em tecnologia de alimentos nos últimos anos, essas bebidas contam com todas as características desejadas pelos consumidores”, conta Álvaro.

Deixe seu comentário